Transplante Osseo na Real

Um diario sobre o tema

Recomeço

Hora de deixar pra trás as coisas que se foram com 2010 e iniciar com força total 2011. Após os transplantes de ossos e as cirurgias do quadril, em 2006, pensei que não mais passaria por graves problemas de saúde. Mas isso não é verdade para uma pessoa com AIJ – Artrite Idiopática Juvenil, significando aquela que não tem origem definida.

Desde novembro, luto com todas as forças para reaprender a andar.  Pela sexta vez nesta encarnação. E sem prótese total de joelho. Eu tenho fortes dores no joelho direito e estou à base de morfina. Artrose avançada… Não há mais inflamação aguda, mas a dor é intensa em razão da perda da função.

Após peregrinar pelos médicos de Brasília, sem resposta adequada, fui ao Rio de Janeiro, onde me trato, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia. Lá, achei mais uma vez tratamento adequado: diminuir a dor e ganhar movimento, e postergar a ATJ (artroplastia total do joelho).

Desde a consulta, em janeiro, minha vida se transformou em fisioterapia, remédios, bom humor para driblar a dor e as adversidades. Além de reaprender a me movimentar com as limitações. De brinde, ganhei CINCO DISTENSÕES na coxofemural direita, aquela já operada com transplante, em razão de erros de médicos daqui de Brasília, que disseram não ter ligação com joelho mas que, na real, tem, pois distendi o músculo de tanto proteger a dor do joelho…

Amigos, meu livro Diário de um transplante ósseo – na real, dois – continua a venda na Livraria Cultura (WWW.livrariacultura.com.br). Lá, vcs conhecem um pouco da saga dos quadris, da artrite, doencinha chata que acomete mais de 16 milhões de brasileiros… Amanhã retorno ao trabalho, após um mês licensiada para cuidar da minha saúde e, mais uma vez, contrariando as estatísticas, pois a maioria dos pacientes com artrite se aposenta por complicações bem mais brandas que as minhas. Fraqueza deles? Excesso de zelo dos médicos? Preguiça de lutar contra a doença? Se fazer de coitadinho, de vítima? Vergonha das deformidades e limitações, de se expor?

Talvez tudo junto. O fato é que eu AMO e CREIO no jornalismo, e não pretendo largar a Comunicação Social tão cedo.

Ao que parece, em breve contarei a saga dois: do joelho. Seja cirúrgico ou não, pretendo escrever crônicas sobre isto…

Mas quero compartilhar com vcs que um raio cai sim duas, três vezes no mesmo lugar. Por isso, cabe a gente fortalecer corpo e alma. Bom ano pra todos, e na próxima coluna pretendo postar um balanço da doação de ossos no Into, em 2010. Estou aguardando os dados para postagem. Espero que tenhamos conseguido ao menos 15…

Curtam as fotos da semana de valorização da pessoa com deficiência do Senado Federal, em dezembro de 2010, no desfile de moda acessível, e os petiscos!

Abraços,
Larissa Jansen

Petiscos do semestre
Março – a Seção Judiciária do DF lançará seu programa de acessibilidade em grande estilo. Aguardem mais informações nas próximas edições, e participem!

Maio – O ministério da Saúde, a Advocacia Geral da União e a Justiça Federal no DF realizarão um seminário, na capital federal, sobre judicialização da saúde. Confira a programação em breve, em WWW.jfdf.jus.br.

Atualidades – volto a lembrar a importância de pacientes reumáticos se prevenirem contra a dengue. Repelente e higiene, evitar locais de riscos, são essenciais. Aliás, o ministro da Saúde atual, Alexandre Padilha, precisa receber o grupo de reumáticos. Alguém que me lê já se mexeu e marcou audiência? Vamos acordar!

Transplante ósseo – continuo na luta para aumentar a doação de ossos no Brasil,pelo Sistema Único de Saúde. Lembro que boa parte dos pacientes reumáticos com prótese terá a necessidade de realizar o transplante de doador cadáver nas revisões de próteses. Dos seis bancos de ossos no Brasil, o único 100% gratuito é do Into (Rio de Janeiro). Doe ossos. Doe qualidade de vida.

Saiba mais em WWW.into.saude.gov.br ou WWW.transplanteosseo.wordpress.com. Ou adquira o livro de minha autoria, Diário de um transplante ósseo, na real dois – pela Livraria Cultura (WWW.livrariacultura.com.br). Basta acessar o nome da autora (Larissa Jansen) ou o título da obra. Estou aguardando resposta do Into sobre o número de doações de 2010. Mais informações em breve.

Concurso – Está aberta inscrição para concurso ao TRF da 1.ª Região. Há vagas para PCD – pessoas com deficiência. Converse com seu médico se a sua doença se enquadra em doenças funcionais, e boa sorte! Confira mais informações e o edital em WWW.jfdf.jus.br ou WWW.trf1.jus.br. E boa sorte!

Créditos das fotos: Senado Inclusivo; Solange Calmon e Priscila Torres

Anúncios

1 Comentário»

  Priscila Torres wrote @

Fico feliz pela sua volta,realmente após a AR morremos e nascemos novamente a cada nova crise… ou pior a cada novo descaso..

Não devemos nos calar, pois existe milhões de brasileiros que passam pelas mesmas situações e falta de responsabilidade de alguns médicos e se calam, por falta de informação ou por que infelizmente em nosso país o processo médico termina em pizza. Nós temos o dever de fazer valer nossos direitos e mostrar que fomos vitimas da indiferença e descaso de médicos que simplismente esquecem o juramento que fizeram ao se formar…

Bem Vinda de Volta Lalá..

Nós te amamos…

BJs


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: