Transplante Osseo na Real

Um diario sobre o tema

Rio inaugura primeiro banco de olhos público no Estado

Fonte: www.saude.rj.gov.br

Primeiro Banco de Olhos público do Estado é inaugurado em Volta Redonda

O Estado passa a contar, a partir desta quarta-feira (05.05), com seu primeiro Banco de Olhos público. Localizado em Volta Redonda, principal cidade da Região do Médio Paraíba, a unidade está instalada no Hospital Municipal São João Batista (HSJB) e terá gestão compartilhada entre a Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil (Sesdec) e a prefeitura. Nos três primeiros meses, estima-se que sejam disponibilizadas 90 córneas para transplantes. Junto com o Banco de Olhos do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), que deve ser inaugurado este ano, a unidade de Volta Redonda vai contribuir para zerar a fila estadual de córneas, que atualmente tem 3.334 pacientes.

– O governo estadual pretende transformar Volta Redonda em um importante polo de transplantes. Além do Banco de Olhos, investiremos em setores de transplantes de rim e fígado no Hospital São João Batista. Os recursos serão repassados fundo a fundo, o que garantirá agilidade ao projeto -, anunciou o secretário de Estado de Saúde e Defesa Civil, Sérgio Côrtes.

Além da área de transplantes, Côrtes tornou pública a decisão do governador Sérgio Cabral de investir na construção de um Hospital Geral no município, que já dispõe de uma Unidade de Pronto-Atendimento 24 Horas (UPA) desde o ano passado.

Foram investidos pelo município R$429 mil em obras e aquisição de equipamentos para o Banco de Olhos. Com uma área de 92m², a unidade dispõe de tecnologia de ponta para recepção, avaliação, processamento e armazenamento de tecido ocular. Os profissionais do município foram treinados pelo Banco de Olhos de Joinville, Santa Catarina, referência para todo o país.

– Em Volta Redonda, nós acreditamos no Sistema Único de Saúde (SUS). Investimos na criação de uma Policlínica, um Banco de Sangue, um Banco de Leite, e agora o Banco de Olhos no HSJB. A população de Volta Redonda, e também a população do Estado, merece uma saúde de primeira. Acredito que esse banco tem potencial para ser o melhor do país – enfatizou o prefeito Antonio Francisco Neto. 

A expectativa é que o banco colha 30 córneas por mês durante os três primeiros meses de funcionamento e que, depois desse período, haja um crescimento de 10% a cada mês. O Banco funcionará, diariamente, das 7h às 19h, com equipes de sobreaviso nos feriados e finais de semana.

PET – No dia 26 de abril, a Sesdec lançou o Programa Estadual de Transplantes (PET) com o objetivo de aumentar o número de transplantes de órgãos e tecidos no Estado do Rio de Janeiro.  Dentre as estratégias do Programa, estão a inclusão de cinco hospitais privados para realização de transplantes pelo SUS, a remuneração, por parte do Estado, para procedimentos de captação e implante de órgãos, a transferência da Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos (CNCDO) do Iaserj para uma nova sede, junto à Coordenação Geral de Defesa Civil, na Leopoldina.

– Também serão lançados novos canais de comunicação, como o serviço telefônico, pelo número 155, que tem previsão para entrar em funcionamento no mês que vem e o site do PET, que entra no ar na próxima semana. Através deles, a população poderá tirar dúvidas sobre doações de órgãos -, explicou o coordenador da Central Estadual de Transplantes, Eduardo Rocha.

Anúncios

No comments yet»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: